Trabalhos aprovados para os GTs

CONTEÚDO

Os trabalhos completos (artigos) devem ser enviados para publicação em anais na data limite de 24 de setembro.

E-mail para envio: ciberjor.cchs@ufms.br

– Os trabalhos devem ter como foco um dos temas do Simpósio ou abordarem o Ciberjornalismo.

– Cada participante poderá fazer a inscrição como autor(a) ou como co-autor(a), sendo limitado a um trabalho como autor e sem limites para co-autoria.

– Os resumos devem ser enviados exclusivamente por meio do formulário de submissão.·.

– O(s) autor(es) deve (m) se atentar impreterivelmente para os prazos e enviar o artigo completo até a data limite e na formatação exigida (no papel timbrado) para que seja publicado nos Anais. Ver item formatação dos artigos completos.

– O trabalho só será publicado nos Anais se for apresentado oralmente no Simpósio pelo autor e ou co-autor.

– O 7º Congresso Internacional de Ciberjornalismo não cobre quaisquer despesas dos participantes, independente da aprovação de trabalho.

 

FORMATAÇÃO DOS ARTIGOS COMPLETOS:

Utilizar este TEMPLATE e de acordo com a formatação orientada abaixo:

O trabalho deve ser enviado no modelo anexo, no devido papel timbrado do Congresso e em arquivo formato .doc ou .docx.
O trabalho deve ter entre 20 mil a 25 mil caracteres (com espaço) incluídas as referências bibliográficas e notas de rodapé.
A primeira página deve conter: o título do trabalho, abaixo do cabeçalho, fonte Arial, corpo 16, negrito, espaço entrelinhas simples (1,0), centralizado; nome do(a) autor(a) ou dos(as) co-autores(as), abaixo do título, em Arial, corpo 12, negrito, alinhado junto à margem direita da página. A partir do nome será aberta uma nota de rodapé, na primeira página, na qual será exposto um breve currículo dos autores: no máximo, cinco linhas por autor(a) ou co-autor(a), em Arial, corpo 10, entrelinhas simples (1,0), justificado.
Resumo: abaixo do nome do(a) autor(a) ou dos(as) co-autores(as), máximo de 15 linhas em Arial, corpo 12, alinhado nas margens esquerda e direita (justificado); com espaço entrelinhas simples (1,0). Seguido das palavras-chave: de três a cinco, separadas por ponto, em Arial, corpo 12, alinhado à esquerda.
Corpo do texto: virá a partir da segunda página, na fonte Arial, corpo 12, entrelinhas 1,5, alinhado nas margens esquerda e direita (justificado);
Subtítulos (ou títulos de capítulos e seções): Arial, corpo 12, em negrito, alinhados junto à margem esquerda, com uma linha de espaço antes e depois;
Referências Bibliográficas: mesma formatação do corpo do texto e seguindo as demais normas da ABNT.

 

APRESENTAÇÃO DO TRABALHO NO GT:

a) O trabalho só poderá ser apresentado (em qualquer hipótese) pelo(a) seu/sua respectivo(a) autor(a), admitindo-se a apresentação coletiva no caso de trabalho produzido em co-autoria;

b) Terá direito à apresentação do trabalho nos GTs somente o(a) autor(a) que, além de cumprir as demais normas desta Chamada de Trabalhos, efetuar o pagamento da taxa de inscrição.

c) Cada trabalho terá de dez a quinze minutos de apresentação e mais cinco minutos de discussão com a audiência.

d) O participante só terá direito ao certificado se ficar até o final das apresentações do seu GT.

 

TRABALHOS APROVADOS

TítuloAutorCo-autorInstituição
De volta para o futuro- 30 anos: o uso da narrativa transmídia no especial folha.uolRogério Eduardo Rodrigues BaziPUC-CAMPINAS
Redes Sociais e Comunicação Pública na Sociedade Digital – Intersecções possíveis para democratização da informaçãoKárita Emanuelle Ribeiro SenaUFMS
O hipertexto e a construção hipermidiática da Globo: a convergência de mídias do jornalismo em TV e do canal G1Júlia Vasconcelos Espejo
Credibilidade de textos jornalísticos em mídia digital: fundamentos conceituais, mapeamento de indicadores e métodos de medição e expressãoFrancisco Rolfsen BeldaFlavia Daniele Oliveira GamonarUNESP
O smartphone é o meu café: possibilidades de flanerie nos aplicativos de realidade virtual jornalística e documentalSilvio da Costa PereiraUFMS/ UFSC
Lê, Comenta, Compartilha: Diferentes textos instigam distintas posturas do internauta nas plataforma de interação dos veículos na webThaísa BuenoUFMA
Sombras de interação: análise dos modelos de interatividade nos ciberjornais de Mato Grosso do SulFernanda França FortunaThaísa BuenoUFMS/UFMA
O impacto das novas tecnologias na televisão: como fica o modelo de negócios?Taís Marina Tellaroli FenelonUFMS
Difusão e memória: o impacto do webdocumentário para o projeto GraelRodrigo Baquer Carvalho, Rafaela Matias da Silva e Juliana Cabral AlvesUFRJ
Do telejornalismo ao webtelejornalismo: a convergência midiática no jornalismo da TV MorenaAna Carolina LimaUFMS
Como se dá a interação entre jornais/portais e seus leitores através do FacebookMelina da Silveira LeiteUnisinos
O leitor invisível: análise da presença do leitor no material publicado sobre a implantação da fábrica Suzano papel e celulose, no jornal ‘O Progresso’ e em blogs informativos de Imperatriz-MALetícia Holanda de SousaMarcos Fábio Belo MatosUFMA
Ensino de jornalismo e práticas de apuração: caminhos para utilização das fontes em tempos de narrativas digitais multimídiaSimone Mattos Guimarães OrlandoIvana Mendes Cardoso BarretoUFRRJ
Agressividade em comentários noticiosos: uma reflexão sobre violência virtualLiana Feitosa FerreiraUFMS
A reportagem multimídia interativa em dispositivos móveis: o caso da série TABLiliane de Lucena ItoLeire Mara BevilaquaUNESP
O meio é a mensagem e a mensagem como meio: leituras de Marshall McLuhan feitas pelo site youPIXFelipe de Oliveira MateusMauro de Souza VenturaUnesp
Educomunicação e Ciberjornalismo: aproximação e sintoniaAntonia Alves PereiraCristiane Parente de Sá BarretoUnemat e Faculdade de Comunicação da Universidade do Minho (Braga/POrtugal)
O Facebook e suas contribuições na assessoria de imprensa hospitalar: Um estudo de caso do único hospital SUS de Três Lagoas – MSBeatriz RodasRafael FurlanAems
Ruptura, continuidade e potencialização no ciberjornalismo: revisitando um texto fundamental de Marcos PalaciosMarcelo TräselUFRGS
Tecnologias digitais e o ensino de jornalismo: o desafio da inovação em sala de aulaCláudia Regina Ferreira Anelo
Diálogos com uma mídia rastreável - pistas do leitor nos seis anos do site Imperatriz NotíciasLucas ReinoMarco Antônio Gehlen e Thaísa BuenoUFMA
#BelaRecatadaeDoLar: indignação coletiva e empoderamento femininoCassiana FerreiraMaira NunesUFPB
Mídia Online: como o ciberjornalismo aborda as doenças psíquicasJacir Alfonso ZanattaBianka Macário de Lima & Valesca Soares ConsolaroUCDB
Histórias Digitais (HD): A união de técnicas e ferramentas de Jornalismo e Ciência da ComputaçãoAlessandra de Falco e Dárlinton Barbosa CarvalhoEduardo Carazza, Fernando Carvalho, Douglas Gonçalves e Laíza Ribeiro SilvaUFSJ
YouTube e Movimentos Sociais: uma análise do canal “Mobilização Nacional Indígena”Everson Umada MonteiroUFMS
Appficação da televisão: introdução a um cenário de interatividade em transiçãoLívia CirneUFMA
Tendências de Telejornalismo Online em Portais Jornalísticos do BrasilThiago FrisonOswaldo da Silva RibeiroUCDB
Rádio e tecnologia: as estratégias de interatividade das emissoras de rádio AM de Aracaju/SERafael de Jesus GOMESRoscéli KOCHHANNUEMT
O Modelo de Negócio das Empresas de Médio Porte no Processo de Convergência do Jornalismo Impresso para o CiberjornalismoAngelo SastreIMESB
O desafio do ensino do ciberjornalismo frente às mídias móveisRose Mara PinheiroUFMS
A cobertura do Novo Jornal nos atentados do crime organizado no RN: produção noticiosa e recepção no FacebookAdriano Charles CruzUFRN
Assessoria de Imprensa em tempos de convergência midiática: uma análise da TV Canal do Produtor da CNAAline de Oliveira SilvaFaculdade Estácio de Sá
As Apropriações das Mídias Sociais pelo Jornalismo Através de Narrativas ConvergentesYago Modesto ALVESEdna de Mello SILVAUFT
Novos paradigmas produtivos da notícia: usos da infografia interativa na prática CiberjornalísticaPatrícia Medeiros de Lima
A interatividade no telejornalismo: a participação do público no Cidade Alerta Maranhão por meio de aplicativoThaylissa Souza JorgeRodrigo Ribeiro BezerraUFMA
Ciberjornalismo e conversação em rede: uma proposta metodológica de mensuração e análise das reações e interações por meio do FacebookWesley Moreira PinheiroMarcia Furtado AvanzaPUC-SP e FAPCOM
Agendamentos no ciberjornalismo: a difusão do tema estupro no jornal Campo Grande News (MS)Lynara OjedaKatarini MiguelUFMS
Da telinha para o ciberespaço: estudo das particularidades que o vídeo amador, que integra a produção doJornal Nacional, recebe ao migrar para a página do G1Marcelli AlvesFernanda Vasques Ferreira, Thaisa Cristina BuenoUnB/UFMA
Modelos de narrativas presentes no ciberjornalismo esportivo nacional e internacionalLiana Vidigal RochaUFT
MT TV-1ª edição: reflexos de interatividade no conteúdo noticioso do telejornalUlisflávio Oliveira EvangelistaRoscéli KochhannUnemat
Twitter e Facebook como fontes jornalísticas na cobertura do incêndio da boate Kiss pela Folha de São PauloMarcelli AlvesUnB/UFMA
Jornalismo e a nova ecologia dos meios: uma relação simbióticaJulia Dantas de Oliveira PenteadoDenis Porto RenóUNESP
Newsmaking e ciberjornalismo: reflexões sobre o tempo nas rotinas produtivas dos ciberjornalistasSarita González FernandesThaïs de Mendonça JorgeUnB
Sem Censura Pará e a interatividade no ar: a participação do público no site e em redes sociais do programaElaide MartinsJússia Carvalho VenturaUFPA
Na era da convergência: como os ciberjornais campograndenews e mídiamax utilizam o hipertexto como ferramenta de linguagemDébora Alves Pereira CabritaUFMS
Participação do público na construção do telejornal: uso do aplicativo Bem na horaInara Souza da SilvaKarina Silva Torres de OliveiraUCDB
Uma cobertura jornalística olímpica e efêmera: uma análise exploratória da apropriação do Snapchat pelo jornalismo durante os Jogos do Rio 2016Vanessa KannenbergUFRGS
Produtos inovadores para o jornalismo: estudo de caso do "Filosofighters", o newsgame da SuperinteressanteDanilo Leme BressanDenis Porto RenóUniversidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho"
Bom dia, confira a capa da nossa edição de hoje! Um estudo sobre os comentários dos leitores nas postagens da primeira página de quatro jornais brasileirosJordana Fonseca BarrosLeonardo Castro AraújoUFMA
Análise da Experiência do Usuário de smartphone nos aplicativos O Globo Notícias e Folha de S. Paulo.Elton Tamiozzo de OliveiraGerson Luiz MartinsUFMS
Folkcomunicação: a Cultura Popular na CiberculturaLetícia Monteiro RochaUFMS
Do palco local ao palco nacional: a propagabilidade do clipe Bixa Pague Meu DinheiroAlan Milhomem da SilvaUFT
Entre o portal e o telejornal: aspectos da narrativa transmídia no jornalismo do grupo RecordElaide MartinsIsa belle VinagreUFPA
Recursos interacionais no webdocumentário: caminhos para construções de realidadesLuiz Fernando de OliveiraUFSC
Do pensamento nômade às análises sobre comunicação e resistênciaThiago Pinto de AndradeUFMS
A presença das marcas no Facebook e as novas narrativas empregadas: caso Rádio Blink 102Célio Aparecido Rosa de Araujo JúniorGreicy Mara França, Elverson Cardoso, Filipi Minatel Baptista, Guilherme Dutra dos SantosUFMS
O jornalismo digital em Vilhena-RO: uma qualificação dos sites jornalísticos locaisAllysson Viana MartinsKhauane Oliveira FariasUNIR
Para além do conteúdo: e-portfolio como ferramenta de planejamento e desenvolvimento da carreira jornalísticaYasmim Raissa Silva PessoaAlfredo José Lopes CostaFaculdade de Informação e Comunicação da Universidade Federal de Goiás

One thought on “Trabalhos aprovados para os GTs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *